Tem muita gente que aproveita o início de um novo ano para fazer mudanças. É como se pudéssemos deixar os anos que passaram para trás, e começar tudo de novo.

Mas, é claro, você deve pensar, isso não é para você.

Afinal, não importa o que você faça, a pornografia continua fazendo parte de sua vida. Quantas promessas você já fez, só para depois de algum tempo deparar-se com a frustração de não cumpri-las?

Então, se você está determinado em permanecer sofrendo, aqui vão 5 dicas para você que deseja não vencer o vício, e continuar vendo pornografia em 2019:

1: Isole-se dos amigos

Você sabe… Amigos poderiam ser um porto seguro para você se abrir, receber ajuda e palavras de apoio.

Eles poderiam trazer alegria em uma refeição compartilhada, companhia nos momentos de tédio, e oportunidades para você vivenciar na prática o amor ao próximo.

Ou seja, se você quer realmente continuar preso ao vício em pornografia, precisa garantir urgentemente que não faça muito contato com seus amigos.

2: Esteja 24h por dia conectado à internet

É na internet que se encontra a maior parte da pornografia que é produzida. Então, se você quer continuar caindo, precisa estar o tempo todo conectado.

Essa atitude também vai evitar que sua mente descanse, e assim será muito mais difícil que você raciocine e tome uma decisão consciente sobre o tipo de conteúdo a que estará se expondo.

Assim, você cria o cenário perfeito para que continue inerte, clicando sem propósito, sucumbindo diante da pornografia!

3: Cancele participação em atividades esportivas

Ainda está pagando academia? Que besteira! Não faça isso, se você quer continuar tendo seu corpo e sua mente escravizados pela pornografia.

Tome cuidado: esportes vão fazer com que você se desligue da tecnologia por um tempo, podem ajudar você a se socializar, e ainda gerarão descargas cerebrais e musculares de neurotransmissores e outras substâncias que trazem alegria, satisfação e relaxamento.

Então, se você quer mesmo seguir firme com o hábito de ver pornografia, nada de cultivar bons hábitos – nada de praticar esportes.

4: Esqueça que quem está na indústria pornográfica também é gente

Você deve abstrair. Finja que aquelas mulheres e homens que estão nas fotos e vídeos não são pessoas de verdade. Objetifique-as.

Nem pense no sofrimento que elas passam por terem sua intimidade exposta, sua dignidade esfacelada e sua identidade anulada. Afinal, elas nem são gente, não é mesmo?

Esqueça da violência física e psicológica que as afligem. Esqueça que, para anestesiar a dor, elas acabam recorrendo às drogas. Esqueça que, apesar dos esforços da indústria pornográfica em propagandear o contrário, elas não ganham mais dinheiro do que o que gastam para manter o padrão estético e sustentar o vício adquirido. Esqueça que elas têm chances enormes de contrair doenças e chances ínfimas de ter uma família, amigos e um trabalho digno.

Esqueça disso tudo, se você quer continuar mantendo seu coração gelado e seus olhos ávidos por verem cada vez mais pornografia.

5: Esconda bem sua Bíblia

Por fim, se você quer garantir um 2019 repleto da frustração, culpa e vergonha que acompanham a pornografia, deixe sua Bíblia bem guardada – de preferência em uma gaveta que você quase não abre.

Afinal, não dá para querer ver pornografia com tranquilidade se você tiver contato com as verdades sobre um Deus que lhe dá amor, perdão, paz, poder para enfrentar tentações, e que quer ter presença constante em sua vida para ajudá-lo em todas as situações.

Por isso, se você quer passar mais um ano distante desse Deus e bem perto da pornografia, já sabe: esconda muito bem a sua Bíblia.

O que você pode fazer?

Essas foram minhas dicas para quem quer continuar cultivando o vício da pornografia, e desfrutando de todos os sofrimentos que o acompanham.

Mas, se você quer um ano diferente, e se você tem um pouco mais de bom senso, e pelo menos um resquício de amor-próprio, quero desafiá-lo a fazer exatamente o oposto disso: parar de ver pornografia.

Para isso, quero convidá-lo a tornar-se parte de uma comunidade vibrante e ativa, que luta por amor, cheia de recursos para combater a pornografia!

Temos um ano incrível diante de nós, com muitas novidades pela frente! Então, para juntar-se a nós, e já ser equipado gratuitamente com 2 eBooks para essa luta, deixe seu nome e email a seguir, e clique em “enviar”:

Gostou do texto? Deixe seu comentário abaixo e compartilhe!

Relacionados: